quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

No colo das lágrimas....


Fotografia(Leoni/Leo Jaime)


Hoje o mar faz onda feito criançaNo balanço calmo a gente descansaNessas horas dorme longe a lembrançaDe ser felizQuando a tarde toma a gente nos braçosSopra um vento que dissolve o cansaçoÉ o avesso do esforço que eu façoPra ser feliz O que vai ficar na fotografiaSão os laços invisíveis que haviaAs cores, figuras, motivosO sol passando sobre os amigosHistórias, bebidas, sorrisosE afeto em frente ao mar.Quando as sombras vão ficando compridasEnchendo a casa de silêncio e preguiçaNessas horas é que Deus deixa pistasPra eu ser felizE quando o dia não passar de um retratoColorindo de saudade o meu quartoSó aí vou ter certeza de fatoQue eu fui felizO que vai ficar na fotografiaSão os laços invisíveis que haviaAs cores, figuras, motivosO sol passando sobre os amigosHistórias, bebidas, sorrisosE afeto em frente ao mar.

Um comentário:

Fermata disse...

"E quando o dia não passar de um retrato colorindo de saudade o meu quarto... Só aí vou ter certeza de fato que eu fui feliz."

*--------------*

Esses lanços invisiveis jamais se acabarão.

=**
amo²